Farta de Pessoas Falsas!…

Unknown-1

-Tia!… a Marta é uma falsa e eu estou farta de pessoas falsas … !

-O  que é ser falso ou de que forma a Marta se comporta para tu dizeres que a Marta é falsa ?  -perguntei

-Bem quando estamos juntas sinto que ela é verdadeira comigo, estamos tranquilas. Já nos conhecemos há muitos anos e sabemos das rotinas uma da outra… quando digo que ela é falsa é “Tipo”: estávamos a duas na praia e eu queria ir jogar raquetes e ela não queria, disse me que lhe doíam as pernas e que não queria ir jogar … mas quando chegou a amiga da prima dela, uma miuda popular,  e lhe perguntou se queira  ir jogar, ela nem pensou duas vezes… e eu fiquei feita estúpida a olhar !… Sempre que chega alguém diferente, ela faz tudo para agradar essa pessoa… se eu disser a um amigo que não vou jogar porque me doem as pernas , então eu não vou jogar com mais ninguém!

– Mas isso pode não revelar apenas falsidade – interrompi

-Ai não Tia ? – respondeu eufórica – Então veja isto, ela está sempre a dizer que não gosta de calças à boca de Sino, mas como a outra trazia umas calças à boca de Sino, disse-lhe em alta voz ” Ai Adoro as tuas calças, sempre adorei boca de sino!”  e eu sei que é mentira… isto é ser Falso tia e eu sinto uma raiva enorme!

-Mas sabes porque sentes essa Raiva ? – Perguntei

-Porque ela está a mentir , porque está a ser falsa, porque eu não consigo perceber como é que alguem consegue ser assim ! Para quê ?

Bem Carlota eu entendo a tua raiva, mas temos de olhar para a Marta com alguma distancia para podermos entender este tipo de comportamento.  Não é apenas um comportamento da Marta. Existem muitas pessoas que agem desta forma, ou com intuito  de ser aceite, criar empatia ou se integrar num grupo. Não importa se está certo ou está errado, vamos só observar as funções que podem ter este tipo de comportamento, pode ser ?

-Sim Tia, mas não está certo !- respondeu me insistindo

– Sim se falarmos de relações genuínas, de confiança e baseadas na autenticidade, este não é o caminho… Mas pelo que relatas,  talvez  a base dos  relacionamentos que a Marta pretende, seja um pouco diferente dos teus… e talvez seja aqui que começa a tua raiva e falta de compreensão face ao comportamento da Marta.

Os relacionamentos podem ser pautados por relações genuínas ou relações de interesse (ser popular, rico, ter visibilidade, alcançar mais pessoas etc). Existem pessoas que tem medo de ser autenticas, não tem segurança nem auto-confiança e vivem com um medo terrível de ser rejeitadas.

-Existem pessoas que sabem que estão a ser bajuladas e adoram isso, pouco importa se quem elogia está a ser verdadeira ou falsa. Acontece com os artistas, quando tem muito sucesso, perdem a noção que muitas pessoas estão à volta deles apenas para ganhar alguma visibilidade. Por isso ouvimos muitas vezes dizer que quando deixam de ser famosos ficam sozinhos…. Já pouco importam e os bajuladores vão admirar outras presas…

-Existem pessoas que para conquistar outras pessoas abdicam das suas verdades, dos seus gostos e até dos seus princípios. É tão importante a aceitação de outros que se esquecem do que disseram, fizeram ou de opiniões já partilhadas ,o importante é concordar,  para poder ser aceite.

E é quando estamos na presença destes comportamentos, entre pessoas amigas,  que normalmente os apelidamos de Falsos e nos sentimos enganados… não estão a dizer a verdade e nós sabemos disso, porque conhecemos o outro lado.  Sentimos que estão a conquistar através da mentira, queremos fazer justiça!

-É uma grande decepção Tia… é como se eu não pudesse confiar mais nela… é como se de repente ela se transformasse numa pessoa que eu não conheço e o pior é que eu não posso acompanha-la e coloco-me à parte… fico sozinha!

-Querida Carlota, ficar sozinha por não querer pactuar com esse tipo de comportamento pode ser visto como um grande acto de coragem…  vocês estão a crescer e neste processo alguns do relacionamentos tem de ficar pelo caminho. Quando damos prioridade à verdade , à autenticidade e á sobriedade dos relacionamentos deixamos de conseguir conviver com esta forma de conquistar pessoas e mesmo gostando muito dos nossos amigos temos de os deixar fazer o seu caminho , não porque eles sejam falsos , mas porque escolheram uma forma de conquistar o mundo que não nos faz sentido, no processo evolutivo de cada um…quando a relação deixa de nos fazer bem, é preciso deixar ir …

E tudo vai fluir de forma perfeita:  os bajulados atraem os bajuladores … os os verdadeiros atraem os autênticos.

Talvez um dia a Marta tenha saudades de uma amiga que gosta dela como é,  que até consegue aceitar o caminho que ela escolheu, mesmo não concordando. Essa é a grande magia dos amigos…Por vezes estes amigos são grandes mensageiros,  que vieram a nós para testar a nossa verdadeira essência e a nossa capacidade de SER

autenticos e únicos. Por isso gratidão à Marta e a todas as Martas que já passaram pela vida de cada um. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s