AMOROSIDADE o Antidoto da Competição

A Amorosidade é um conceito antigo mas NOVO!

Estamos à décadas sobre um ambiente de competitividade, o que significa que a competitividade está hoje enraizada na consciência de cada um e na grande consciência colectiva, em todos os sectores da vida: pessoal, familiar, escolar, profissional, religioso, económico, politico e cultural

Poderíamos pensar na competitividade desportiva, empresarial ou organizacional mas infelizmente hoje em dia nascemos, crescemos e morremos a competir com tudo:

  • as casas que temos e a forma como as decoramos vs a dos outros
  • os animais que criamos e como os criamos vs os dos outros
  • A educação dos filhos e os seus percurso vs os dos outros
  • O estatus academico vs o dos outros
  • A situação financeira vs a dos outros
  • A carreira vs a dos outros
  • o carro que temos Vs o dos outros
  • os empregos vs os dos outros
  • Eu vs o meu marido
  • Eu vs Eu

Sem perceber muito bem, de modo mais evidente ou subtil estamos sempre a “comparar” ou a “competir” … E esta dinãmica social retirou- nos capacidade relacional e  escondeu de nós a amorosidade !

Todos os sábados a família reune-se em casa da Claudia.  Este fim de semanam a mãe chateou-se porque a Claudia marcou cinema com as amigas, sabendo que há jantar de família. E a Claúdia, revoltada acusou a mãe de ser egoista, de ter uma família e amigos  de gente fútil e que estava farta de ouvir as conversas vazias e cada um a achar-se melhor que o outro. images-6.jpeg

-A minha mãe nos outros sabados nem percebe que eu janto e vou para o meu quarto ouvir musica ! Não há paciência…Eles estão sempre a criticar tudo, a minha educação e o que a minha mãe faz , e a minha mãe acaba por  fazer o mesmo!

–  Estão sempre a criticar as opções de cada uma é isso ? – Perguntei

-Sim , parece que estão sempre a procurar defeitos no que se passa lá em casa, dando discretamente o seu exemplo, como se elas é que fossem perfeitas ! Acho isso horrível …

-À falta de AMOROSIDADE é isso que queres dizer ?

– O que é a Amorosidade ?

– A amorosidade é a capacidade de nos comunicarmos e expressarmos as nossas opiniões sem colocar em questão as escolhas e as opções dos outros.  A amorosidade é a grande tomada de consciência do valor das nossas palavras, da energia com que as dizemos, da nossa verdadeira intenção , das necessidades do nosso EGO e do impacto que queremos ter nos outros!

-Como assim ? Como é que controlamos a energia do que dizemos ?

-Vivemos num mundo de competição, parece que já nos corre nas veias a necessidade de impor a nossa escolha aos outros, como sendo a mais correcta.

-Sim é verdade – parou para reflectir – as minhas tias fazem isso, criticam as escolhas da minha mãe como se eles fizessem melhor que ela – e perguntou- Mas para quê ? porquê se são amigos ?

– Muitas das vezes para alimentar o  EGO que está a precisar de alimento por ter sido desgastado com outras relações do dia a dia. As pessoas fazem isto porque precisam de alimentar esse vazio que outros já as fizeram sentir.  E nem se apercebem que ao faze-lo , estão a desvalorizar, a colocar em questão as escolhas do outro e a deixar um desconforto igual ao que sentiram…

– Sim é isso, sempre que se vão embora , fica uma energia esquisita em casa, a minha mãe fica triste e pensativa, parece que nunca é muito bom o que resta do jantar!

–É essa energia que fica, a energia da competitividade a energia subtil e inconsciente do “desamor”…

Há um grande trabalho colectivo a fazer, No dia em que todos olhármos para as escolhas dos outros com AMOROSIDADE saberemos à partida que cada um faz apenas o melhor que sabe perante a sua experiência e que as escolhas de cada um funcionam dentro da sua experiência…

Antes de falar dos outros é importante identificar em nós essa competitividade subtil, observar os nossos comportamentos e intenções de forma honesta  :

  • Como expresso as minhas opiniões : impondo-me, criticando, comparando ?
  • como falo das minhas experiências: superiorizando-me, com vaidade ?
  • Como falo das escolhas dos outro : com analise ? com critica ?
  • Qual a minha intenção : superirorizar-me ?  ou cooperar ?
  • Qual a energia que tenho de trabalhar : competição , superioridade , EGO

Afinal para que mostramos a nossa posição para os outros, qual a intenção ? qual a energia ?

Como poderemos dizer a mesma coisa de outra forma ?

Convidei a Claudia a dizer , agora com “AMOROSIDADE” o que disse à mãe quando recusava ir jantar e acusava a mãe de ser egoista, de ter uma família e amigos de gente fútil e que estava farta de ouvir as conversas de cada um achar-se melhor que o outro.

-Como expressarias esta opinião de forma amorosa ?  – Perguntei

-É difícil  !

-Eu sei – respondi – estamos treinados para criticar e para nos apegar às criticas que fizemos,  temos de mudar essa realidade ! Tenta dizer o mesmo com amorosidade ou seja,  diz à tua mãe o que sentes de forma a ela poder entender-te a até melhorar a situaçao

– Então- fez uma pausa e continuou-  eu diria à minha mãe que não me sinto bem, porque acho que as tias estão sempre a faze-la sentir que ela é má mãe e que eles seriam melhores pais para mim, que não é bom , que sinto sempre que embora gostem uns dos outros , não conseguem viver sem estar sempre a achar que as escolhas deles são melhores e que eles não conhecem a nossa vida por dentro 24H por dia, para chegarem aqui e analisarem tudo nas 24H da vida deles. É uma perda de tempo … isso magoa-me e só me apetece não estar!

-achas que se falasses assim para a tua mãe, que ela responderia da mesma forma ?

– Não , acho que seria mais calmo! Mas se não tivesse falado consigo não saberia faze-lo, mas faz-me sentido!

-Fazer sentido é tudo  que é preciso e é mais amoroso, é isso que queres dizer  com “seria mais calmo?”

-Sim AMOROSIDADE  é isso!  Como se aprende ?

É um treino. Infelizmente aprendemos a responder por impulso. E esse impulso está cheio de crenças entre elas a competitividade e agressividade. Se de cada vez que temos um impulso para responder de forma agressiva  a uma situação, pararmos , fecharmos os olhos e procurarmos uma forma AMOROSA de dizer a mesma coisa, começamos a mudar a qualidade das nossas relações.

– Como faço em relação ás minhas tias ?

– As tias são um exemplo da sociedade, Claudia! Se reparares bem,  muitas relações entre jovens, também funcionam assim.  É bom observar todas as relações.

Tomando o exemplo das tias, e aplicando a AMOROSIDADE ,

em vez de:

” eu faço assim , porque é muito mais giro , porque é melhor  porque não há duvidas  ,porque, porque , porque “.

A amorosidade seria assim:

” Eu fiz assim e resultou! bem sei que não somos iguais, as situações são diferentes,  mas se te fizer sentido e quiseres experimentar fica a sugestão”

A amorosidade é um treino que precisamos de fazer no campo de todos os relacionamentos porque o tecido social está contaminado pela competitividade subtil que magoa, divide e afasta as pessoas da sua verdadeira capacidade de se relacionar!

O nosso “mais” primário, instinto de sobrevivência consiste em salvar o outro, não permitir que o outro se magoe, colocar até a própria vida em risco para poupar uma vida… Esta é a nossa verdadeira essência e vivemos em grande sofrimento por termos adoptado um modelo de consciência que nos coloca em “competição” com as pessoas que amamos… um MODELO de CONSCIÊNCIA COLECTIVA baseada em comportamentos sociais adquiridos, e que contrariam a nossa verdadeira essência, deixando-nos num  sofrimento que poucos sabem explicar e que nos dividem.

AMOROSIDADE treina-se… Com respeito , com consciência e com vontade de construir uma sociedade mais harmoniosa ! É um trabalho individual para o grande colectivo.

Unknown-3

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s