PARAR SIM … MAS, NEGOCIEMOS…Colectivamente

A propósito de uma declaração do primeiro ministro sobre novas medidas de restrição, Uma cliente que tem de fechar a sua actividade, dizia-me:

“Estou confusa… Nao sei em quem acreditar… tenho de acatar, mas não sei se faz sentido parar……são tantas opiniões contrárias… não sei o que faz mais sentido… Pessoas que admiro, tem opiniões que até me fazem concordar… mas depois quando olho à minha volta não consigo subscrever a 100%… Preciso de uma orientação ! Para apaziguar esta inquietaçao… já que tenho de confinar, preciso de o fazer numa maior paz !

Os tempos estão estranhos… todos responsabilizam outros…e isto está a ficar uma grande confusão…

Como eu entendo tudo isto ? Temos a vantagem de este não ser um problema circunscrito ao nosso país. O que nos permite colocar muitas questões e ter ainda menos certezas. Não concordo com a teoria de que todas os dirigentes espalhados pelo mundo estejam numa grande sala de conspiração. Com ideologias tão diferentes andam todos a apalpar terreno e a decidir o que lhes parece mais acertado. Quem gosta de astrologia Mundial, já sabia hà muito que 2020 e 2021 iriam ser anos desafiantes e de grandes mudanças para a humanidade. A forma como cada um vai operar essas mudanças, depende da acção de cada sociedade. Não nos podemos esquecer que cada um de nós tem uma força individual, mas quanto mais divididos menos poder de mudança… É preciso pensar nisto!

Falando deste exacto momento e de PORTUGAL, acho que é importante definir porque paramos e quais os verdadeiros motivos?


1º – Primeiro motivo para confinamento geral: NÃO TEMOS UM SISTEMA NACIONAL DE SAÚDE…TEMOS UM SISTEMA DE SAUDE de DESENRASQUE …desde sempre!

2º Paramos porque há cada vez mais gente contaminada pelo COVID19, porque ele anda aí e é contagioso, uns infectados porque sim, outros pela fraca imunidade talvez também provocada, pelo cansaço de todo este Cenário em que vivemos há quase um ANO. Uma pessoa com medo é mais propensa a apanhar o VIRUS do que alguem consciente…Os destemidos inconscientes correm o mesmo risco que os medrosos.

2º PARAMOS porque os hospitais estão cheios!… não há como atender toda a gente… Não existem profisionais de saúde suficientes, nem camas , nem ventiladores… Paramos porque há uma maquina do nosso sistema que não está preaprada para atender a população em tempos normais, muito menos em tempos pandémicos!

3º -Paramos para DAR ESPAÇO ao VAZAMENTO do Sistema Nacional de Saude… Apenas para isso… para aliviar a fila… para que outros possam entrar…

4º – Paramos, se quiser, por respeito e cooperação com os profissionais que sem esse abrandamento não conseguem dar resposta nem ter sucesso no seu trabalho.

5º Por fim paramos por respeito a todos que vão parar a um hospital e que querem viver mais uns anos, ter mais um natal com a familia, ver um neto nascer ou celebrar mais um aniversario. Paramos em respeito à Vida do Outro e à nossa…

Que atitude devo ter ?

Eu creio que está na altura de sermos mais activos nas nossas acções, se o sistema nacional de saúde precisa do sacrificio das nossas empresas, nós precisamos de um compromisso à posterior , um acordo de cavalheiros… Eu sacrifico a minha empresa mas isto vai ter de mudar… o sistema nacional de saude tem de ser re- estruturado.

PARAMOS DE FORMA RESPONSAVEL e NEGOCIAMOS Novas Condições para quando isto acalmar… Condições para o TODO

Em troca do nosso sacrificio;

-cobramos dos nossos governantes um Sistema nacional de Saude que RESPONDA, não só a futuros eventos pandémicos, como ao que já não respondia antes disto …

Não permitir anos de espera para cirurgias, não permitir idosos a sair de casa de madrugada para conseguir uma consulta,

Não permitir medicos de familia apenas para passar receitas…

Assumir o compromisso que a seguir a isto é preciso definir um serviço Nacional de Saude que honre a Dignidade de cada ser humano

Parar agora, para depois ajustar o que é preciso ajustar:

Implementar Educação Social para a prevenção e respeito da saude Individual e colectiva… Educação para a Nutrição, Educação para o Exercicio Fisico, Educação para uma boa Hidratação, Educação para a pratica de Respiração, Educação para o respeito ao Corpo!

O Português é muito bom a desenrascar… mas neste momento precisamos ir mais longe e exigir que a seguir algo mude… Parar sim… MAS o sacrifício de empresas e pessoas VAI TER DE VALER A PENA para a POSTERIORIDADE… não pode ficar por aqui… PARAR SIM, mas em prol do presente e de um futuro melhor, porque como foi feito até aqui, já todos percebemos que não funciona … PARAR SIM MAS NEGOCIAR… Pois só assim este esforço terá valido a pena para as gerações futuras!…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s