Um Mau estar que … Pode ser Sinal de SAÚDE…

São muitas as pessoas que me procuram, que com o decorrer da sessão dizem algo do genero :

“Sinto-me um quadrado a viver num mundo redondo”

“Preciso de pessoas mas não consigo identificar-me com a maioria dos meus amigos”

” sinto-me mal por dizer isto, mas não consigo partilhar dos principios da minha familia”

” Não sei como as pessoas não veem que esta errado, dizer que fazem porque outros fizeram não é jusiticação para repetirem o erro”

“Sinto que não sou daqui”

Jiddu Krishnamurti foi uma grande pensador, filosofo , homem de uma profunda espiritualidade. Um dos grandes sábios sobre a essencia da humanidade e sobre o caminho a fazer para a paz, quando as pessoas me chegam com estas questões, ofereço-lhe aquela que para mim é uma das suas melhores frases:

“Não é Sinal de Saude estar bem ajustado a uma sociedade PROFUNDAMENTE doente”

É um alivio para muitas pessoas perceber este movimento e entender que provavelmente estão no caminho certo para a evolução… e que podem deixar de se colocar em causa.

Que provavelmente estão desajustadas porque são emocionalmente saudáveis.

E vem sempre a pergunta seguinte, se isto me faz sentido, porque me coloco em causa ?

Questionamos-nos devido ao sentimentos e necessidade de pertença quer social quer familiarmente. Fomos convencidos de que para pertencer ao “clã” temos de estar alinhados com eles e fomos educados/formatados a faze-lo a qualquer custo… só se fizermos parte, temos sucesso… só se fizermos como fazem, seremos aceites …É comum sermos rejeitados e ignorados por amigos e familiares quando pensamos diferente… Se repararmos bem faz sentido este colocar em questão, quando percebemos que a educação socio familiar até ao século XX tinha na repetição de padrões familiares um código de honra, fazer como os nossos pais e avós era uma forma homenagear a familia.

Mas é uma pertença doentia ?

Sim é uma pertença muitas vezes pouco saudável, obviamente em muitos casos, na maioria, para se honrar a familia, guardaram-se grandes segredos (graves) que poderiam envergonhar ou defraudar o nome. Fechavam-se os olhos e viravam-se costas a vitimas e excluidos, silenciavam-se as conversas, negavasse a história, julgando que assim passariam uma borracha no assunto e o episódio “negativo” fosse esquecido… Em nome do bom nome das familias foram feitas enormes atrocidades que nunca foram julgadas nem colocados os culpados no devido lugar. A energia fica por aí!!!!

Tapar o Sol com a peneira, fechar os olhos e viver na mentira ?

Sim por isso é uma pertença “doente” porque mesmo que se queira esconder, com o tempo os campos morfogeneticos vem revelar a sua presença, através de acontecimentos nas geraçoes futuras e confirmar que só sabendo metade da historia não é possivel continuar uma história saudável e muito menos libertarmos-nos para escrever a nossa historia livres de precalços e assuntos que deixaram por resolver. Todos os segredos não revelados, manifestam-se na vida dos descendentes e podem subtilmente aparecer em forma de doenças, infelicidade subita, depressões, ganhos e perdas , atrapalhando o sucesso que estavamos a conquistar etc… E assim se vai prepetuando uma sociedade doente a viver na falta de verdade.

As heranças familiares deveriam servir para a nossa EVOLUÇÃO, não deveriam existir segredos, nem caminhos escondidos …Digo sempre que se as Familias soubessem que os SEGREDOS não revelados (de roubos, homicídios, suicídios, encestos ,violações, bruxaria, prostituição, corrupção, traição etc etc) , podem travar o sucesso e felicidade dos seus queridos descendentes e levar filhos e netos a sofrimentos diversos ( isolamento, tristeza, violencia, crime, ao suicidio e à infelicidade), jamais os manteriam guardados. Os guardiões dos segredos, para salvaguardar os antepassados, prejudicam-se as gerações futuras…A Vergonha que os nossos antepassados tiveram em revelar a sua história leva mensagens de peso aos seus sucessores… No dia em que isto ficar claro… todas as familias poderão libertar os seus descendente, para isso basta revelar segredos, assumir vulnerabilidades, incluir todos os que foram prejudicados, o que fez parte da sua história deixando assim livre o caminho energético aos seus sucessores.

Esse é um dos trabalhos das constelações

Sim é um trabalho das constelações Familiares, organizacionais e estruturais. Está na moda falar e fazer “Constelações familiares”, uma Terapia/movimento deixada por Bert Hellinger. Bert Hellinger percebeu, que muitas das nossas frustraçoes, limitações e comportamentos estão presos a questões dos nossos antepassados, tanto podem ser questões por resolver, segredos por desvendar como simples lealdades por amor. Indepedentemente do que seja estas estão perfeitamente activas nos nossos campos MorfoGeneticos e energéticos (Rupert Sheldrake) e levam-nos a agir subtilmente sobre as suas demandas. Estes campos conduzem-nos a repetir padrões comportamentais e histórias da nossa familia e antepassados.

Mas hoje em dia a sociedade está diferente, os filhos não seguem tanto as pegadas dos pais na sua vida e em sociedade !

Sim, regra geral , não seguem o mesmo caminho académico e profissional, mas o caminho energetico familiar está lá. As escolhas diferentes, não desfazem a informação dos campos morfogeneticos , nem lhes retira ligação ao sistema familiar, a vontade e necessidade de PERTENÇA a qualquer custo está subtilmente em cada um de nós , mas também é verdade que nestas ultimas decadas, esta necessidade de pertença se alastrou de forma obcessiva para a sociedade. Pertencer a um grupo, pela beleza, status, dinheiro, sucesso, religião, cultura etc, criou uma Doença Crónica Social, completamente descontrolada sobre os meios para pertencer a qualquer custo… Uma doença que leva à INCOERENCIA, ao JULGAMENTO sem critérios: Competir sem olhar a meios, lucrar sem olhar o que se destrói, ter para parecer e para ser aceite, ter idepedentemente de quem é explorado e dos recursos que são destruidos Roubar porque se vê roubar, corromper porque se vê corromper, Usar as fragilidades dos outros escondendo as suas…E quando alguem contrapõe este modo de viver, existe sempre um grande MAS ou um PORQUE… Argumentos tão inconscientes ou inconsequentes como: ” se eu não aceito alguem há-de aceitar”, “se eu não fizer outros hão de fazer”… “não consegues vence-los junta-te a eles” como se a atitude inconsciente de outros Justifique a sua… São argumentos sem qualquer tipo de coerencia ou consciencia global … São escolhas que excluem, corrompem e repetem comportamentos dos seus antepassados, mas agora no palco social, e assim ficam doentes todos os campos; sociais e familiares e por isso… o mundo está doente!

Se repararmos bem , foi criado um campo social Morfoenergetico social e parece que as repetições acontecem tambem na sociedade … Está tudo feito para sermos todos ainda mais iguais… para a realidade politica ser cíclica e sem grande inovação…Socialmente repetimos os padrões de geraçao em geração … Já viu bem há quantos anos de pais para filhos a corrupção é passada… de governo para Governo!!!??????

Quando existe alguem que olha para este panorama de uma Sociedade DOENTE e escolhe não ir por ALI… sente-se deslocado… Quando decide ouvir a sua voz, tem de se auto excluir ou esperar pela exclusão… sente-se um ALIEN neste mundo… que nunca terá força suficiente para se fazer ouvir!

Muitas pessoas saem destas conversas aliviadas, mas também mais atentas e conscientes para que os campos Morfoenergeticos criados ao longo de seculos de socialização errante, não as absorva…

O Padrão só se repetirá se não existir evolução.

A cura do MUNDO não depende de nenhuma Vacina… Mas sim da acção de Cada um de nós e da CORAGEM para pensar diferente … Agradecer às geraçoes anteriores a aprendizagem, não excluir nada nem ninguem… Olhar com Coerencia para tudo e ir desintegrando os campos familiares e sociais morfoenergeticos , dando lugar ao novo à Evolução e a uma Sociedade Saudável…

Jiddu Krishnamurti morreu em 1986 e já nessa epoca o mundo estava doente ! (Filme Sobre: https://youtu.be/kDvEhhnnMc8)

Sessões em

http://www.orientacaosistemica.pt

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s